Como abrir uma empresa de embalagens para alimentos

Como abrir uma empresa de embalagens para alimentos

por -
0 613

Abrir uma empresa de embalagens vale muito a pena, o mercado está em alta e as chances de grandes lucros tambem, veja aqui mais detalhes sobre isso

Abrir uma empresa de embalagens de alimentos pode ser a sua chance de entrar para o mundo dos empreendedores, ampliar suas oportunidades e solidificar seu patrimônio.

Essas empresas devem atender a legislações específicas, porém elas são bastante estáveis, principalmente em decorrência do produto e possibilidade de parceria ou contratação de uma empresa alimentícia de maior porte.

Vamos explicar para você alguns pontos positivos que você deve considerar para se engajar por esse negócio. Confira!

Começando do pequeno negócio: empresa de embalagens

Como-abrir-uma-empresa-de-embalagens-para-alimentos

Considera-se “pequena empresa” ou “pequeno negócio” toda empresa que tenha, entre outros fatores, até dez empregados.

Se você pretende entrar para o ramo de embalagens para alimentos pode considerar abrir uma pequena empresa – é suficiente para você começar.

O ideal é que você faça o dever de casa: localize a região ou o pólo onde se encontra o foco das empresas alimentícias e marque reuniões para pesquisa de possibilidade de contratação – sua empresa produzirá as embalagens dos alimentos desenvolvidos por eles.

Para uma empresa alimentícia de porte pequeno ou médio, outra empresa que forneça a embalagem promove atendimento a demanda a menor custo.

Por outro lado, você investindo no ramo abre oportunidades de emprego e crescimento profissional para a região onde atuará.

O que fazer

Montar uma empresa de embalagens para alimentos é mais complexo do que abrir um pequeno negócio de consultoria ou administração, por exemplo.

Trata-se de uma empresa que é enquadrada no ramo de atividade industrial, portanto você deverá estar atento às legislações diversas que envolvem o ramo.

Para início, contrate um contador experiente – os passos para abertura de pessoa jurídica são padronizados, porém você pode se preparar para atender também à legislação da Anvisa, o órgão responsável pela vigilância sanitária.

Além disso é importante que:

  • Haja contratação de pessoas capacitadas;
  • Os maquinários e ferramentas garantam produtividade e segurança aos trabalhadores;
  • Sejam respeitadas às normas de Meio de Ambiente, Qualidade e Segurança do Trabalho.

Dependendo da região onde você pretende atuar, sua área de interesse e capital inicial para investimento, a área pode ser bastante promissora. Muito sucesso!

Sem Comentários

Deixar uma resposta